Perseu e a Medusa nos Cavaleiros do Zodiaco

           O oráculo anunciou a Acrísio que um dia seu neto lhe tiraria o trono e a vida. Assustado, Acrísio encerrou sua filha, Dânae, numa torre de bronze, para isolá-la do mundo e impedir que ela arranjasse esposo.
            No entanto, Zeus se transformou e chuva de ouro entrou na torre e fez Dânae tornar-se mãe de um menino, Perseu. Assim que seu neto nasceu, Acrísio colocou-o num barco junto com a mãe, deixando os dois à mercê das ondas. Os ventos empurraram a embarcação para os lados da ilha de Serifo, uma da Cíclades, onde o rei Polidectes os recolheu.
            Polidectes simpatizou com Dânae e cuidou de seu filho, educando-o até a adolescência. Depois achou melhor afasta-lo, pois queria o caminho livre para conquistar Dânae. Ordenou-lhe então que fosse combater as terríveis Górgonas e lhe trouxesse a cabeça da Medusa, a mais monstruosa das três.

I. A Górgona Medusa

            As Górgonas devastavam os campos e aterrorizavam os viajantes que perdiam o rumo e acabavam passando por suas terras. A tarefa de Perseu era difícil. Prevenido, desde o início ele tratou de pedir a proteção dos deuses que costumavam socorrer os heróis. Atena lhe deu seu escudo e seu espelho, Hades lhe ofereceu um capacete que tornava invisível e Hermes lhe emprestou suas sandálias aladas. O filho de Dânae partiu então para a região em que moravam as Górgonas.
            Chegando à caverna em que elas descansavam, logo ele reconheceu a Medusa, cuja cabeleira era formada por um amontoado de serpentes entrelaçadas. Naquela hora, as serpentes estavam todas dormindo, caídas em sua testa horrorosa. A Medusa tinha o poder de transformar em pedra quem a encarasse. Perseu não se intimidou. Aproximou-se andando de costas, usando o espelho de Atena para se orientar, pois caso a Górgona acordasse não o olharia de frente. Com um golpe de espada, o herói decapitou a criatura monstruosa. Do sangue que escorria, surgiu um cavalo de asas. Era Pégaso. Perseu pós a cabeça da Medusa num saco e, montado em Pégaso, se foi pelos ares, fugindo das duas outras irmãs, que tinham acordado e estavam prontas para se vingar.
“As mais belas lendas da Mitologia. Martins Fontes” / tradução Mônica Stabel.. São Paulo, 2006. p. 207 – 208.
QUESTÕES:

1.   Procure no dicionário, as palavras desconhecidas.
2.   Encontre no texto o nome dos personagens.
3.   Quais deuses participam do mito acima?
4.   Os deuses oferecem presentes a Perseu, quais são eles?
5.   Qual motivo levou Perseu a matar a Medusa?
6.  Mitos são narrativas fantásticas utilizadas para explicar e ordenar o mundo. De que forma este mito grego reflete esta ideia?


Agora assista ao desenho dos Cavaleiros do Zodiaco em que o mito de Perseu e a Medusa estão presentes:





4 comentários:

Anônimo disse...

eu gostei da parte que o Perseu corta a cabeça da gorgona
Rodrigo 5ªQ

Anônimo disse...

É legal no filme FÚRIA DE TITANS(2010) a hora que o Perseu corta a cabeça da medusa e transforma o kraken em pedra,é muito legal!!!

Anônimo disse...

eu assisti o filme!!!! e é esse mito assima que vai me ajudar na prova?

lucas disse...

Pura mitologia grega!

Postar um comentário